Psicólogos e Psicanalistas – Terapia Online

Tríplice Psicanalítico Psicólogos e Psicanalistas Online

Dependência Emocional

O que é dependência emocional?

Dependência emocional é um termo que tem sido muito utilizado recentemente. Mas o que realmente significa dependência emocional? Somos seres sociais que, muito antes de nascermos, já dependíamos do Outro para dar sentido à nossa existência e sobreviver.

O grande problema surge quando essa dependência emocional se torna prejudicial, tecendo cadeias que impedem o crescimento pessoal. A dependência emocional pode ser entendida como uma necessidade excessiva de aprovação e reconhecimento dos outros, levando a um estado de submissão e perda de autonomia. Isso pode resultar em relações desequilibradas, onde a pessoa que esta em posição de dependência emocional coloca os interesses e desejos dos outros acima dos seus próprios, muitas vezes a ponto de se anular.

É importante ressaltar que todos nós precisamos de conexões emocionais e é natural buscar o apoio dos outros. No entanto, quando essa necessidade se torna uma obrigação ou uma compulsão, que denominamos de dependência emocional é hora de buscar ajuda para aprender a estabelecer limites saudáveis e desenvolver a autoconfiança.

A dependência emocional é um labirinto complexo que muitas vezes nos prende em ciclos de relacionamentos insatisfatórios e autodestrutivos. Essa dependência pode ser o resultado de situações passadas e sobre a maneira que você absorveu algumas experiências ainda na infância.

Quando há dependência emocional, perde-se a singularidade e gera-se uma dinâmica doentia e desgastante, com conflitos ou frustrações constantes, que podem colocar em risco a sua saúde mental. Detectar a dependência emocional é crucial para quebrar seu ciclo destrutivo a tempo.

Como identificar se estou agindo com dependência emocional?

Pode ser desafiador perceber se você agindo com dependência emocional, principalmente quando estamos profundamente envolvidos nela. Contudo, alguns indicadores podem nos auxiliar a discernir se estamos manifestando comportamentos de dependência emocional. Alguns indicadores de dependência emocional podem ser:

Dependência emocional: Perda de autonomia

Quando você está em situação de dependência emocional, os espaços pessoais (amizades, empregos, atividades recreativas) não são respeitados e todas as decisões são tomadas com base na opinião do outro.

Dependência emocional: Baixa autoestima e insegurança constante

A dependência emocional traz uma necessidade constante de aprovação e atenção do outro, sentindo-se incapaz de se valorizar ou de enfrentar os desafios da vida sem o apoio do parceiro.

Dependência emocional: Medo do abandono

Para quem está em relações onde há dependência emocional, a ideia de perder o companheiro ou enfrentar a solidão causa muita ansiedade e angústia.

Dependência emocional: Sacrifício excessivo

Os próprios desejos, projetos ou necessidades são sacrificados para priorizar ou agradar aos outros, o que pode gerar muita frustração.

Dependência emocional: Perda de identidade própria

A dependência emocional pode ser claramente identificada quando interesses e projetos pessoais deixam de ser cultivados para focar apenas no relacionamento. Isso ocorre porque a pessoa se torna excessivamente dependente do parceiro, negligenciando suas próprias necessidades e desejos.

Estratégias para superar a dependência emocional e alcançar um relacionamento saudável

Reconhecer a situação de dependência emocional

Reconhecer a dependência emocional é o primeiro passo para superá-la e conseguir mudar a sua posição subjetiva diante dessa situação. É importante buscar ajuda para atravessar esse caminho.

Seja honesta consigo e faça uma avaliação

Pondere sobre os relacionamentos nos quais você se vê em posição de dependência emocional. Tente distinguir os desejos e sonhos que idealizou para esses relacionamentos. Reflita sobre as situações cotidianas e analise o quanto você tem se submetido, colocando os outros como prioridades em sua vida.

Estabeleça limites saudáveis e concentre-se nos interesses pessoais

É essencial que você comece a se conhecer melhor e defina situações que considera desrespeitosas, nas quais se sente relegada a um segundo plano. Este pode ser um sinal de dependência emocional. Durante esse processo, é crucial que você reserve espaço para suas próprias atividades e interesses, dedicando tempo a si mesma. Isso contribuirá para o seu crescimento pessoal e, consequentemente, enriquecerá sua vida com novas experiências.

Desenvolva autonomia para sair da posição de dependência emocional

Para quem busca sair da situação de dependência emocional é importante trabalhar a autoestima e aprender a lidar com suas próprias emoções e necessidades. Ao construir autoconfiança e reconhecer o próprio valor, muito menos é atribuído à outra pessoa.

Mergulhe no desconhecido mesmo com medo para sair da posição de dependência emocional

O que quero dizer é que o medo do desconhecido é um dos maiores obstáculos ao processo de dependência emocional. Pessoas que se sentem emocionalmente imaturas tendem a evitar riscos, pois a incerteza e a possibilidade de falha as perturbam profundamente. Por isso, elas continuam se submetendo a situações de dependência emocional, por ser mais cômodo. Portanto, é necessário reagir e buscar seus propósitos de vida. Se você ainda não sabe quais são, este é o momento para descobrir

dependencia emocional 1

O Poder do Autoconhecimento na Superação da Dependência Emocional

Identificar esses sinais é a etapa inicial para vencer a dependência emocional. E o autoconhecimento é um recurso indispensável nessa jornada. Compreendendo os seus comportamentos e as origens de suas dificuldades emocionais, você inicia um movimento e passa a questionar a sua posição diante da vida.

Vale ressaltar que procurar auxílio profissional é indispensável se você está enfrentando a dependência emocional. Um terapeuta irá te oferecer espaço seguro, acolhedor e sigiloso e partir da terapia, novas perspectivas e você passará a dar um sentido à dor e a simbolizá-la.

Não é fácil superar a dependência emocional, pois além do acompanhamento psicológico, exige trabalho próprio e esforço conjunto. Mas identificando os sinais dessa dinâmica e fazendo terapia é possível cultivar um relacionamento mais saudável com o outro e consigo mesma.

É preciso lembrar que não existe vínculo saudável sem amor próprio, respeito por si mesma e autonomia. Ou seja, nossa singularidade NUNCA deve ser restringida pelo fato de estarmos em um relacionamento. Estando num relacionamento, estamos unidos por cadeias emocionais, por esse motivo é melhor cuidar de si mesma e fortalecer o amor próprio, autoestima e confiança para atrair pessoas equivalentes a você. Não devemos buscar relacionamento pelo medo da solidão, mas sim porque cada um de nós quer estar na companhia de pessoas que possam nos agregar algo, mas cada um com sua própria independência emocional, liberando seus próprios potenciais.

Marque já sua terapia e de o primeiro e mais importante passo na sua luta contra dependência emocional!

Compartilhe com quem precisa!

terapia online

Posts Recentes

Deixe um comentário

Abrir bate-papo
1
Escanear o código
Olá
Podemos ajudá-lo?
Como estabelecer limites na relação conjugal? Como colocar limites na sogra Como dar limites aos pais